Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘fenitoína’

Homem de 39 anos, com uma história de epilepsia do lobo frontal e transtorno depressivo maior foi levado à sala de emergência com queixas de idéias suicida constituído por pensamentos de “querer saltar pela janela.”

 

Três semanas antes, ele havia passado por uma avaliação clínica e o anticonvulsivante oxicarbamazepina (OXC), foi interrompido e mudado para fenitoína. O paciente apresentava também transtorno do humor, em remissão durante vários anos, sob um regime de citalopram em uma dose de 40 mg / dia.

O paciente exigiu voltar para a OXC, culpando seus sintomas à fenitoína. Ele foi internado para observação e sua dose de citalopram foi aumentado para 60 mg / dia. Duas semanas depois, ele teve alta em estado eutímico.

Anúncios

Read Full Post »

Homem de 55 anos foi iniciada em fenitoína devido a sintomas de epilepsia. O paciente foi tratado com fosfenitoína (15 mg / kg)na sala de emergência após terceira crise convulsiva e na alta, foi prescrita fenitoína em um regime de 300 mg / dia, todas as noites. Três dias após a alta ele retornou queixando-se de ataxia, diplopia, e náuseas. A concentração sérica de fenitoína foi de 7 mg / L. O tratamento sintomático foi sugerido e foi-lhe dito que ele provavelmente teve um resfriado e que ele deveria ver o seu clínico geral no dia seguinte. Como o nível plasmático de fenitoína foi de 7ng/L, foi realizada uma sobrecarga com 10 mg / kg de fosfenitoína para restabelecer níveis de 17 mg / L, e ele foi orientado a aumentar a sua dose de manutenção de fenitoína para 350 mg / dia. Ao final da perfusão IV, o paciente começou a vomitar e relatar sintomas graves diplopia e vertigem, e não foi capaz de levantar-se e caminhar sem ajuda, sem cair para o lado. Ele foi admitido no serviço de neurologia com um diagnóstico de acidente vascular cerebral transitório.  A tomografia do cérebro foi normal. No hemograma pode-se perceber leve anemia microcítica (hemoglobina: 10,8 g / dL) e albumina de 2 g / dL. Dada a baixa concentração de albumina sérica, o neurologista solicitou a verificação da fração de fenitoína livre, que foi de 3,8 mg / mL. Após a suspensão da fenitoína por 48h, o paciente estava assintomático.

Read Full Post »

Homem de 27 anos foi levado à sala de emergência depois apresentar sintomas de Convulsão Tônico-clônica (CTC) . Tinha tido uma primeira crise há 6 meses antes. Ele negou ter sofrido qualquer outro tipo de crises. A RM cerebral foi normal e um EEG com vigília e sono  também foi normal.  Ele foi tratado com fenitoína intravenosa numa dose de 18 mg / kg e foi instruído a iniciar em uma dose diária de 300 mg. No dia seguinte ao início do tratamento, ele reparou que estava sentindo muito cansaço, e 2 semanas depois, ele desenvolveu uma erupção papular generalizada

Read Full Post »